Para o terror de seus donos, às vezes o celular cai na água ou então líquidos caem nele, nesse momento de aflição saiba como agir para maximizar suas chances de salvar seu aparelho.

O que fazer?

Primeiramente, tenha em mente que para salvar o equipamento você precisa retirá-lo da água o mais rápido possível, não importa se ele está em um lugar nojento como uma privada, não vá procurar uma luva, enfie a mão lá dentro e o retire.

O segundo passo é desligar imediatamente o aparelho, não tente verificar se ele está ligando ou acessar algumas funções, desligue o na hora.

A terceira atitude é secar o excesso de água com toalhas absorventes, evitando chacoalhar ou assoprar o aparelho, pois isso pode acabar espalhando mais ainda o líquido dentro do dispositivo.

A quarta orientação é remover todas as peças encaixáveis do aparelho, como o cartão SD, os Chips e a bateria, se for possível. Remover a bateria aumenta muito a chance de salvar o aparelho, se possível desligue-o removendo a bateria.

O quinto procedimento consiste em remover a água/umidade que penetrou no aparelho. Para isso o mais recomendável é mergulhar o aparelho em um pote com arroz e deixá-lo lá por pelo menos 24 horas. Esse truque funciona porque as sementes do arroz absorvem toda água e umidade com que entram em contato.

Você também pode usar sílica gel, em alternativa ao arroz, ela funciona muito melhor se você possuir, porém nem sempre está disponível. Na melhor das hipóteses tenha sempre em casa para questões emergenciais um saquinho selável (ziplock), no qual você pode por o aparelho junto com as bolsinhas de sílica gel e deixe ele lá por pelo menos 48 horas.

Evite tentar secar ao sol, pois a radiação e o calor podem acabar danificando alguns componentes, além de que ao se formar vapores de água dentro do aparelhos que podem se condensar novamente e molhar outras peças vitais.

Evite também utilizar o secador de cabelo, pois o calor pode acabar derretendo e danificando componentes, mesmo se o secador não estiver com vento quente, o fluxo de ar pode acabar espalhando ainda mais o líquido dentro do equipamento. O mesmo vale para aspiradores de pó.

Com essas dicas você aumenta suas chances de salvar o seu aparelho.